Douglas Wires, nasceu em 1971, é casado e mora atualmente no Rio de Janeiro, atuando no mercado de turismo desde 1995. Fluente em inglês, é emissor Amadeus e Sabre de passagens aéreas nacionais e internacionais. Trabalhou em empresas como: VARIG, OCEANAIR e CARLSON WAGONLIT, adquirindo sólidos conhecimentos e experiência em cálculos de tarifas aéreas, supervisão de reservas e negociação de serviços de viagens.

TRANSPORTES

“Todos os caminhos levam a Roma, mas sem um agente de viagens não se chega a lugar algum.”
Douglas Wires
VÍDEO EM DESTAQUE I...
Uma homenagem ao mais famoso inventor brasileiro que impulsionou o desenvolvimento comercial do mundo com a sua invenção, pondo muitas vezes a sua vida em risco testando ele mesmo os inventos que projetava.
VÍDEO EM DESTAQUE II...
O sonho do homem voar com asas está cada dia mais real. Um suíço desenvolveu asas turbinadas que o faz voar como um pássaro. Seria este invento o novo meio de transporte da humanidade ou o prelúdio de uma futura arma militar que anos atrás entristeceu Santos Dumont ao ver seu invento ser usado para esse fim? Veja o vídeo e tire suas conclusões.
ARTIGOS EM DESTAQUE...
01. Aeroviários ameaçam entrar em greve no Natal e causam caos no transporte aéreo.
"Todo ano é a mesma estórinha no mês de Dezembro: overbooking, aeronautas com escala sem repouso na jornada de trabalho e para variar... Ameaças de greve de aeroviários no mês em que suas reivindicações mais ganham força nas negociações salariais. Quero saber quando alguma autoridade vai falar na mídia que o caos aéreo no Brasil se deve a falta de infraestrutura e a falta de concorrência entre as cias aéreas?"

02. A história da indústria do turismo.
"Poucos setores da economia se desenvolveram num prazo tão curto. Em pouco mais de 5 décadas de história, os destinos multiplicaram-se e essa indústria tornou-se uma das mais ricas, dinâmicas e promissoras áreas da economia global. Não por acaso, ela é hoje prioridade tanto nas nações desenvolvidas quanto nos países mais pobres, que enxergam no turismo uma força incomparável na geração de empregos e de divisas. Nesses lugares, o setor cresce 10 vezes mais do que nos mercados industrializados. Conheça os fatos que afetaram sua evolução no mercado do turismo."

03. A viagem que DOUGLAS WIRES quer fazer contigo.
"A hora está chegando e gostaria muito que você me acompanhasse nessa viagem para um lugar que muitos desejam ir. Ainda há tempo, e se tiver dúvidas... Esse vídeo vai lhe desvendar os olhos para que creia que a verdade está sendo revelada para aqueles que buscam entendimento para entrar nesse paraíso."

04. Brasileiros pagam mais caro por bilhete internacional.
"Muitos viajantes contestam como uma passagem aérea do exterior para o Brasil é mais barata do que na rota contrária. Até mesmo, como pode uma passagem Rio/Fortaleza/Rio ser mais cara do que uma Rio/Miami/Rio. Uma das explicações pode está na ausência de uma tributação mais pesada praticada no exterior do que as que são aplicadas no Brasil, principalmente no combustível de aviação. Porém, a Anac possui outra explicação..."

05. Casal erra de cidade e desembarca a 19.000km do destino desejado 
"Ainda bem que não foi um agente de viagens que emitiu a passagem desses mochileiros! Pelo visto eles estavam sofrendo os sintomas do Mal da Secretária: COMPRAR PASSAGEM PRO CHEFE E NÃO CONFERIR O QUE SOLICITOU!"


06. Como driblar as tarifas exorbitantes dos hotéis na Copa do Mundo.
"Como todo período de evento ou festas, as tarifas hoteleiras e aéreas praticamente dobram ou triplicam de valor. Em alguns casos, seja a ser um caso de extrema ganância dos empresários que querem tirar proveito da situação. Mas alguns viajantes sempre encontram uma forma de driblar essa situação."  

07. Como administrar serviços de locação de carro e traslados.
"Um guia rápido de DOUGLAS WIRES em referência aos emails frequentes de internautas que acessam o seu blog pedindo sugestões de como implantar serviço de transporte em suas cidades."  



08. Cooperativas de taxis disputam clientes com as agências de viagens.
"Cada vez mais as agências de viagens disputam clientes com concorrentes adversos (cooperativas de taxis, redes de restaurantes, free-lancers que organizam eventos) que em termos de turismo, não têm razão social alguma que identifique isso em seus CNPJs. Sinais dos tempos modernos, da internet que diminuiu o número de intermediários no processo da venda e da busca dos promotores por novos mercados."   

09. Cias aéreas reduzem tamanho das poltronas para aumentar o número de passageiros a bordo.
"Segundo as cias aéreas, a medida irá diminuir o peso das aeronaves uma vez que as poltronas são também mais leves. Mas se irão aumentar o número de viajantes a bordo, então é trocar uma coisa pela outra! A impressão que se tem é que se trata do começo do fim das cadeiras confortáveis, por mais apertadas que eram no passado."

10. Em crise, cia aérea sacrifica bodes no Nepal.
"A dificuldade de manutenção de aeronaves em alguns países não se deve apenas a má qualificação dos mecânicos, mas também, em parte, de alguns países (Estados Unidos, principalmente) quanto a imposição de boicotes a esses países que são obrigados a comprar peças de reposição de aeronaves recondicionadas com outros países que não aderiram ao boicote comercial, aumentando assim o risco de um acidente aéreo. Neste caso no Nepal, é algo inacreditável pensar que tal sacrifício de animais trará segurança de vôo para os passageiros. Tão inacreditável, que virou até piada na internet, como mostra a imagem ao lado. Será que na África existe algo parecido também???"

11. Falta de obras deixa aeroporto do Galeão abandonado para reformas.
"Não é de hoje que se nota a ausência do poder público quanto aos cuidados mínimos que se espera. Vale lembrar que não é somente de reformas nos aeroportos que falamos, mas também na área ao redor dele. O aeroporto do Galeão tem sido noticiado frequentemente pela imprensa com relação ao aterro sanitário de Caxias que fica próximo dele. O choque de aviões com aves nas decolagens e aterrissagens torna iminente um acidente aéreo, que até o momento foi sem fatalidade. Entretanto, parece que para a infraero, reforma em aeroportos compreende apenas a parte da pista. O resto só passa a ser prioridade quando houver um acidente grave para que então o poder público possa tomar uma ação para "calar" a opinião pública."

12. Influência das cias aéreas na política e no turismo.
“Administrar uma empresa é muito mais do que ficar olhando relatórios de vendas e contas a pagar. O CEO e seus diretores precisam ter visam de mercado, saber o que está acontecendo e o que os seus concorrentes estão fazendo, nem que para isso precisem recorrer a certas estratégias de marketing e artifícios políticos para conseguir seus objetivos. Esse é o tema central desse artigo!”


13Inovações das cias aéreas para aumentar suas receitas.
“Seguros, produtos licenciados, venda de refeição a bordo e até serviços financeiros são opções de receitas para as empresas lucrarem apesar do alto preço dos combustíveis. Sinal de mudança dos velhos hábitos ou porque as cias aéreas querem se tornar navios de cruzeiros aéreos?”

14. Mulher se perde com GPS e acidentalmente faz tour pela Europa.
“Embora seja uma idosa a velhinha não tem Alzheimer. O incidente ocorreu por confiança no aparelho e completa falta de noção geográfica. Só depois de muito tempo que a motorista percebeu que algo estava estava demorando muito para chegar ao destino.”

15. Onde dormem as comissárias de vôos?
“Já ouvi estórias de motoristas de ônibus que dormiam dentro do bagageiro do ônibus enquanto o outro dirigia, mas o local onde dormem as comissárias de vôos chega a ser curioso porque fica escondido dentro da cabine e não se tem noção alguma de como é. Esse artigo é uma coletânea de 7 fotos que responde muito bem a essa dúvida de qualquer viajante.”


16. Por que julho é um mês perigoso para se viajar?
"Para quem é pessimista, tá aí mais um motivo para trocar a data de uma viagem da alta estação para a baixa. São inúmeros os motivos para justificar um acidente aéreo, mas será que superstição tem alguma influência sobre isso? Ou é apenas uma mera especulação para disfarçar o erro humano? Dúvidas a parte, a curiosidade dos fatos estatísticos acaba fazendo nossas mentes acreditar que a superstição é algo que não deve ser ignorado."

17. Qual a aeronave mais segura?
"Pousos e decolagens são a parte mais perigosa durante a realização de um vôo. Assim disse o Cmte. Gerald Massie, após fazer um pouso forçado da B-17 que pilotava na Segunda Guerra: “Qualquer pouso do qual você possa sair andando é um bom pouso.” Mas isso era naquele tempo. Hoje com aeronaves maiores e mais modernas outras frases poderiam ser usadas, ainda mais com mulheres pilotando aviões!"

18. Sinais de falência de uma cia aérea.
"Essa é a hora de aproveitar os preços baixos e os longos parcelamentos sem juros. Mas quer um conselho? Vá ao aeroporto e compre o bilhete lá, no dia da viagem, e mesmo assim se tiver certeza que o vôo vai sair. Quando uma cia aérea está prestes a falir, os primeiros a sentirem os sintomas são os seus próprios funcionários e dar ouvidos aos seus comentários é a regra de ouro para qualquer agente de viagem não ter problema mais tarde na venda de um pacote turísitico  "

19. Superstições na aviação.
"Como qualquer produto, o nome muitas vezes determina o sucesso ou fracasso de uma aeronave. Um exemplo clássico é o do primeiro jato comercial, o de Havilland Comet. Embora rápidos, os cometas são corpos celeste visíveis apenas quando incandescentes, deixando um rastro de fogo no céu. A trágica história do DH.106 Comet, cujos primeiros modelos simplesmente explodiam no céu, parece tragicamente ligada ao nome. Para quem é pessimista e supersticioso, isto já basta para ser um sinal de má sorte e alerta para se evitar um destino trágico."

20. Táxi aéreo clandestino: uma ameaça que pode pôr o agente de viagem numa enrascada!
"Cuidado com os tipos de serviços que você oferece aos seus clientes. Muitos empresários se omitem diante uma política de vendas que limita os seus funcionários a vender certos produtos mediante ao temor de contrariar o cliente e ter pouco lucro."

21. Tempestades e os efeitos nas rotas dos vôos.
"Da mesma forma que dirigir com segurança depende de uma estrada bem sinalizada e com bom estado de manutenção. No ar, pilotar com segurança não significa apenas confiar na tecnologia dos equipamentos da aeronave e na experiência do piloto, mas na escolha da rota do plano de vôo. Rotas com tendências a tempestades mais intensas tendem a ser mais perigosas podendo ocasionar tragédias como a do vôo AF447."

22. Torcedores perdem jogo da Copa do Mundo devido ao nevoeiro no aeroporto Santos Dumont.
"Melhorar a estrutura do aeroportos não é apenas aumentá-lo, mas também modernizá-lo com equipamentos. É uma vergonha para o Brasil que um problema antigo e conhecido desse tipo venha ocasionar esse incidente uma vez que em países como a Noruega, onde os nevoeiros são contantes, os aviões decolam e pousam via instrumentos de voos!"

23. Turistas correm perigo em embarcações irregulares.
"Extintores fora do prazo de validade, coletes salva-vidas em lugares de difícil acesso e tripulantes sem preparo são algumas das armadilhas que podem transformar um passeio de verão em tragédia. Problemas como esses, num caso de acidente marítimo, podem envolver judicialmente até a agência de viagem que vendeu certo passeio de barco sem conhecimento das condições de manutenção do transporte!"

24. Turistas suecos arruínam suas férias por mau uso de GPS.
"Essa matéria ilustra muito bem a compreensão da frase que abre a sessão desse blog: “Todos os caminhos levam a Roma, mas sem um agente de viagens não se chega a lugar algum.” Cada vez mais o uso do GPS é tão comum que até mesmo de um smartphone alguém consegue se localizar utilizando essa ferramenta. O problema do GPS é quando a bateria do smartphone acaba e a pessoa que você pede ajuda lhe dá uma informação errada!

25. Viação 1001 oferece internet grátis a bordo.
"Sinal dos tempos: quem não se mordeniza perde mercado. Ainda mais com passagens aéreas tão baratas para seduzir o passageiro em trocar uma viagem de ônibus por avião. Difícil mesmo é manter a manutenção dos ônibus com tanta estrada esburacada e desniveladas!"

26. Viagens aéreas de negócio prejudicam a saúde.
"Até mesmo as viagens rodoviárias prejudicam a saúde dos motoristas. Muitos têm problemas de coluna, nos joelhos, tornozelos... Leia só o que o New York times publicou sobre esse assunto. Acho que depois dessa pesquisa as cias aéreas pensaram um pouco e resolveram criar aquelas classes econômicas com assentos mais espaçosos e com mais inclinação! :-)”

27. Vidente Jucelino Nobrega Luz prevê queda de avião da TAM em São Paulo no dia 26NOV2014.
"A premonição falhou mas causou um grande prejuízo a TAM que não conseguiu ocupar mais de 50% dos assentos do voo. Mediante ao caos causado, alguns consideraram que é uma nova versão de atentado terrorista.”

28. Vôo da WEBJET decola com parafusos soltos.
"A manutenção precária é mais uma das razões para evitar viagens com cias aéreas LOW COST. Esse incidente com a WEBJET   pode ser considerado um pré-anúncio de um futuro acidente aéreo que poderá vir acontecer se  a ANAC continuar de braços cruzados. E olha que esse não é o único post sobre a WEBJET nesse blog!!!!!!!!!!”

29. Vôo fretado é sinônimo de destino popular e prejudica a indústria do turismo de um país.
"Douglas Wires sintetisa o polêmico debate entre a Embratur e pessoas influentes do turismo receptivo sobre o Programa Voo Direto que incentiva a vinda de estrangeiros latino-americanos ao Brasil. De um lado a Embratur, querendo mostrar serviço em dados estatísticos sobre o volume de turistas trazidos ao Brasil, do outro lado os empresários do turismo receptivo, defendendo sua participação num mercado de fretamento que ameaça seus negócios. Leia e tire suas conclusões sobre quem está com a razão!”

30. 7 mitos desfeitos sobre queda de avião.
"Muita gente tem medo de voar. Algumas são até famosas, como é o caso de Jennifer Aniston, David Bowie, Britney Spears e Lars von Trier. Até mesmo o escritor de ficção científica Isaac Asimov sofria desse mal. Mas a verdade é que, apesar de acidentes aéreos serem trágicos e de ganharem muito destaque nas páginas dos jornais, eles não são tão fáceis de acontecer."

CADASTRE SEU EMAIL E SEJA AVISADO SOBRE NOVAS POSTAGENS 

ÍNDICE DO BLOG